O segredo para aproveitar das datas sazonais é planejar com antecedência

Por que investir em datas sazonais no e-commerce?

As datas sazonais são um norte para as ações de marketing no comércio. Se puxarmos pela memória, as estratégias de vendas sempre tiveram como base períodos como Natal, Dia das Mães ou Dia das Crianças – grande parte delas, aliás, já surgiram com um viés comercial, como também é o caso da Black Friday. 

Com essa herança do varejo, o e-commerce pode, e deve, aproveitar tudo o que as sazonalidades têm a oferecer. Então, vamos a algumas dicas. 

Por onde começar?

Primeiro, mesmo que parece óbvio, temos que deixar claro que tudo o que é sazonal tem um tempo para acontecer, com começo e fim. Portanto, esse período deve estar bem claro para o consumidor. Até porque, essas ações datadas tem o poder de gerar um estímulo de compra, fazendo com que o cliente adquira determinado produto o mais rápido possível. 

Leia também: 6 dicas de mídia para resultados mais efetivos na Black Friday

Pensando, então, nessa temporalidade, o ideal é que o calendário seja definido o quanto antes. No início do ano, já deve ser feito o levantamento de todas as datas comemorativas, que fazem sentido para o seu negócio. Com isso, as campanhas de marketing podem ser trabalhadas conforme cada uma se aproxima. Vale ressaltar que eventos importantes, como a Black Friday, por exemplo, devem ganhar uma atenção especial e serem estruturados com mais antecedência. 

Em quais datas sazonais apostar?

Para saber em quais sazonalidades apostar, o caminho é fazer um mix entre as datas-chave, que podem ser aplicadas para qualquer tipo de serviço, e as comemorações específicas de cada nicho. Então vamos a um exemplo: Para o torcedor que faz compras na loja oficial do Palmeiras, uma ação voltada para a coleção de inverno faz tanto sentido quanto uma com foco no dia de fundação do time; sendo que ambas podem ser vinculadas ao mesmo tempo, ou em momentos distintos. Tudo sempre vai depender da sua persona e o que ela espera da sua marca.

Leia também: Case Palmeiras: o desafio de unificar a base e criar experiência para os clientes

Portanto, o marketing sazonal deve sempre girar em torno da interação do público com o seu e-commerce, sendo uma via de mão-dupla. Então, esse é o momento de entender as necessidades do seu consumidor e estar atento a possíveis feedbacks. Assim você torna a experiência do cliente cada vez mais convidativa.   

Como estruturar o marketing sazonal?

Por falar em cliente, a campanha sazonal precisa chamar a atenção do consumidor. Imagine que durante a Black Friday a concorrência é acirrada, todas as lojas online estão disputando o poder de compra do público. 

Então, além de elaborar uma identidade visual especial para a data, você deve apostar em benefícios que façam meros visitantes se tornarem clientes. Invista nas melhores promoções e descontos, ofereça cupons que estimulem o comprador a voltar à sua loja virtual, envie brindes junto com a encomenda, e pratique outras ações que fortaleçam esse vínculo. Tudo sempre observando a sua margem de lucro.  

Outro fator de atenção na sazonalidade é o controle de estoque . Seu e-commerce precisa estar preparado para o aumento do fluxo de vendas, garantindo que o cliente receba a mercadoria. Sendo assim, otimizar a entrega dos pedidos também é um item que faz com que sua empresa ganhe pontos com a clientela. 

Claro que todo esse esforço não adianta se você não divulgar suas ações de vendas. Para isso, use e abuse das redes sociais, observando sempre em qual plataforma o seu público está. Mas também, não esqueça do e-mail marketing, com assunto chamativo e conteúdo exclusivo para sua base de clientes já conquistados. 

Depois de concluído o evento sazonal, aproveite para coletar dados de desempenho da sua loja virtual. Assim, você consegue comparar os resultados com os anos anteriores, além de ter um guia para as próximas campanhas.

Leia também: Como envolver o usuário na criação da sua campanha

E agora, seu e-commerce está pronto para encarar a próxima data sazonal? Conte aqui nos comentários. Para mais dicas e estratégias do comércio eletrônico, acompanhe o blog da Dyve!  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tradicional e consolidada marca de jeans e vestuário masculino e feminino.

Desafio

Escalar a estratégia de relacionamento e recompor a sua base de clientes por meio de experiências mais personalizadas e adequadas em função de comportamentos de navegação dos consumidores.

Acão/resultado

  • Desenvolvimento estratégico de clusters e segmentações baseadas no histórico de compra e navegação dos usuários.
  • Revisão completa de conteúdo e design de campanhas através de testes A/B.
  • Aumento médio da base em 5% ao mês.
  • Aumento em 150% (YoY) de receita nos canais de CRM.